10 de mai de 2018

História em Futebol de Botão: São Paulo, Campeão Paulista 1998.

O Tricolor Paulista foi campeão paulista em 1998, com grande estilo. Após dois vices campeonatos para os grandes rivais (Palmeiras em 1996, e Corinthians em 1997), o São Paulo voltou a vencer com uma “Bomba no Parque São Jorge”, no retorno épico do ídolo Raí. 

São Paulo, Campeão Paulista 1998
O São Paulo Futebol Clube, se consagrou pela 19º vez campeão do Estado de São Paulo, ao vencer no dia 10 de maio de 1998, o seu grande rival, o Corinthians, no “Majestoso” (como é conhecido o clássico entre os dois times). Após uma campanha na segunda fase (no qual a primeira não esteve presente os times da capital) invejável, com oito vitorias, um empate e uma derrota, no Grupo 2, o tricolor paulista, teve a melhor campanha entre todos os times, e o melhor ataque com 31 gols.
Com a colocação, enfrentou nas semifinais da competição, o grande rival e vizinho de CT, o Palmeiras, após vencer os dois jogos, de 2 a 1 no Parque Antártica, e 3 a 1 no Morumbi. O tricolor paulista derrubou um grande time, treinado por Luis Felipe Scolari, levando o São Paulo a terceira final consecutiva do Campeonato Paulista, enfrentando o atual campeão do ano de 1997, o Corinthians.
Que após uma campanha regular na segunda fase, o Timão, chegou a final após dois empates contra a Portuguesa. Com empate por 1 a 1 no Canindé, e um empate com dois gols polêmicos, após sair perdendo em dois momentos, e igualando o placar com a Lusa, no final do jogo com um pênalti polêmico. Assim São Paulo e Corinthians chegaram a mais uma final de estadual.
Os dois jogos foram decididos no Morumbi, o primeiro foi no dia 03 de maio, e o time alvinegro comandado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo, venceu por 2 a 1, com gols de Marcelinho Carioca, aos 24 minutos do primeiro tempo, Fabiano descontando para o tricolor, aos 36 minutos do primeiro tempo, E o zagueiro Cris, dando números finais, aos 12 minutos da etapa final.
Entre o jogo de ida ao jogo de volta, no dia 10 de maio, muita coisa aconteceu. Um dia antes do primeiro jogo da final, o ídolo eterno do tricolor paulista, o meio-campista Raí, tinha vencido a Copa da França pelo PSG. E já com acordo com o São Paulo, no dia 05 de maio, residiu o contrato com o time francês, e partiu para a capital paulista. No dia 07 de maio, e chegou no clube paulista, e deixou todos esperançosos para o jogo de volta da grande final. Saiu no Diário Popular, uma fala de um dos dirigentes do tricolor paulista dizendo: “vamos jogar uma bomba no Parque São Jorge”. Em um período de três dias, o ídolo treinou apenas em um momento, e ficou na decisão do treinador Nelsinho Baptista escalar o craque.
Raí se colocou a disposição, mas pediu respeito ao time que fez excelente campanha e não queria tirar mérito dos demais atletas, e pediu o número 23.
São Paulo, Campeão Paulista de 1998
Chegou a tão esperada final, no dia das Mães. Que como presente as mães tricolores, Raí venho a campo como titular, surpresa até mesmo para o ídolo. E aos 30 minutos do primeiro tempo, cruzamento do lateral-direito Zé Carlos, desvio do atacante França, e apareceu para mandar pro fundo do gol, ele o ídolo regresso, que viu seu time saído na frente do rival, no qual tinha um sabor especial em fazer gols. 1 a 0 para o tricolor paulista.
No segundo tempo o Corinthians tentou reagir, e marcou logo aos 5 minutos, gol de Didi que tinha acabado de entrar. Mas o tricolor mostrou porque foi o melhor time da competição, e ai o artilheiro da competição entrou em jogo. Aos 11 minutos e aos 37 minutos da etapa final, o atacante França deu números finais ao Majestoso. O São Paulo se conquistou pela 19º vez, o Campeonato Paulista de Futebol, com a consagração do ídolo Raí, e até o grande rival, e irmão do ídolo, o ex-jogador Sócrates, no meio da comemoração do irmão e seu grande retorno.

Segue abaixo os modelos para botão do jogo:
SÃO PAULO: 1. Rogério Ceni; 2. Zé Carlos, 5. Capitão, 4. Márcio Santos e 6. Serginho; 21. Alexandre Rotweiller, 28. Carlos Miguel, 18. Fabiano e 23. Raí; 27. França e 11 Denílson. Técnico: Nelsinho Baptista.

REFERÊNCIA:
GLOBO ESPORTE. Baú do Esporte: Em 1998, São Paulo vence o Corinthians e conquista o Paulistão. Disponível em: http://globoesporte.globo.com/bau-do-esporte/videos/v/em-1998-sao-paulo-vence-corinthians-e-conquista-o-paulistao/1332265/. Acessado em: 10/05/2018

SERRA, Michael. A conquista do Campeonato Paulista de 1998. IN: Arquivo Histórico do São Paulo FC. Disponível em: http://www.saopaulofc.net/noticias/noticias/historia/2017/5/10/a-conquista-do-campeonato-paulista-de-1998. Acessado em: 10/05/2018.

Destaque